quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Mochilando por ai #002 - Salar de Uyuni - Bolívia

Em mais uma de minhas aventuras por ai eu acabei parando neste lugar.. chão branco, céu azul e uma fina camada de água pra dar um toque final, isso ai é o famoso Salar de Uyuni ou Deserto de Sal conhecido também como "espelho do céu" isso porque tudo reflete nele devido a camada de água e fica na Bolívia!

O turismo no Salar é imenso, gente do mundo todo procura ir pra lá, e comigo não foi diferente. Pra chegar até lá é preciso ir para a cidade de Uyuni na Bolívia onde é comprado a travessia de 3 dias pelo deserto de sal num Jipe 4x4 e no final você decide se volta ou se prefere ficar na fronteira com o Chile. Fizemos o passeio pela Colques Tour num valor de B$466,00 2 dias, isso porque havia uma nevasca no deserto e por isso não pudemos fazer o tour de 3 dias. Quem foi nosso guia foi o senhor Luís que foi muito atencioso, a primeira parada é no Cemitério de Trens que era uma antiga ferrovia que ligava Uyuni as outras cidades para a pesada exploração de minério, depois de uma crise a ferrovia fechou, restando apenas as lembranças.



Depois de passar pelo Cemitério de Trens nós entramos de vez dentro do deserto. Antigamente o Salar era um lago salgado e pré histórico chamado Michin, quando o lago secou, deixou todo o sal. O Salar é enorme, um tamanho aproximado a 12.000² dando pra ser visto do espaço, e é conhecido como a maior planície salgada do mundo . Além da área ser grande e profundidade de sal é imensa, são 120 metros de sal pra baixo e estimasse que pode se retirar dali o equivalente a 10 bilhões de toneladas de sal. É sal que não acaba mais, e muita gente ali vive disso, garimpando!





Paramos em um certo ponto de garimpo, tiramos algumas fotos e partimos para o almoço, o Luís nos levou pra almoçar num restaurante/hotel totalmente feito de sal, lá comemos uma comidinha caseira bem boliviana que estava uma delicia, um grão que parecia arroz mas se chamava Quinua, carne de lhama, saladinha e refrigerante, ao lado do restaurante/hotel de sal fica o pico das bandeiras, são viajantes que vão e colocam lá a bandeira de seu país, da pra ver pela foto que estava lotado e a do Brasil tava ai, toda escondidinha e amassada mas estava. Ali ficamos mais um pouco fazendo a ciesta do almoço e apesar do sol estava muito frio, o que aumentava nossa preguiça, mas quando se está em uma aventura assim não há tempo pra preguiça.



Depois de comer, voltamos ao 4x4 e andamos, andamos e andamos, naquele deserto sem fim, é incrível pois só dá pra ver chão branco e céu azul, mais nada. Paramos pra tirar algumas fotos, incluso aquelas de dimensão igual a essa do dinossauro aqui do lado, funciona da seguinte forma, como o chão é branco e o céu azul não há como diferenciar muito o que esta perto e o que esta longe, então rende algumas fotos bem bacana, nessa do dinossauro estávamos todos lá longe e o brinquedo pertinho da câmera! O mais legal é que nessa área havia nevado na noite anterior e como o sal derreteu o gelo sobrou uma fina camada de água que refletia tudo!




Depois de andar mais um pouco chegamos a Isla del Pescado, que é um pedacinho de pedra no meio do Salar, dando a impressão de que era uma ilha, a vegetação nela é bem diferente, são cactos, enormes e antigos, havia um de 900 anos e outro com mais de 9 metros de altura. A ilha é imensa e tem muita subida, pra entrar nela tem que pagar 15 bolivianos e depois fazer a trilha pra subir ao topo, devido a altitude ficamos muito ofegante mas nada que estrague a aventura, lá de cima a vista do Salar é de morrer, uma visão panorâmica sem fim, muito mas muito bonito, depois de algum tempo descemos correndo para ver o por do sol no Salar que também é deslumbrante. Só que na descida nos perdemos, são muitas trilhas e no fim o Luis teve que subir pra pegar a gente, se não íamos perder o pôr do sol!




Fomos correndo pro 4x4 e o seu Luís nos levou mais adiante aonde não havia muita coisa para trabalhar o por do sol, logo ele começou a descer, e foi o por do sol mais bonito que todos que estavam comigo haviam visto na vida, o que rendeu muitas lágrimas de emoção para todos. O deserto tem um fina camada de água que reflete o céu, na hora do por do sol tudo é refletido e se olhar fixamente para o horizonte é como estar voando! Eu não sei explicar em palavras o sentimento de ver aquilo mas posso falar com toda convicção, foi a coisa mais bonita que já vi na minha vida. Já estava anoitecendo então voltamos para o carro e o seu Luís nos levou a um hotel totalmente feito de sal para dormimos, isso já incluso no nosso pacote.


Andamos no carro durante a noite e é incrível como o Luís não se perdia naquelas estradinhas, chegamos ao Hotel de Sal, que fica no meio do nada, e a noite ali é incrível, pois vi o céu mais estrelado da minha vida, dava pra ver as nuvens cósmicas srsr, quando entramos no hotel percebemos que não havia ninguém, ele estava fechado apenas para nós 7, muito chique né? Lá jantamos uma comidinha bem gostosa, tomamos um cházinho que até dona Elizabeth teria inveja e conversamos a madrugada toda bebendo licor pra ver se esquentava por causa do frio. Lá também apareceram 3 menininhas para cantar pra nós, tadinhas, claro que fazem aquilo com todos os turistas em troca de um dinheirinho, e nós as ajudamos também. Fomos dormir pois no outro dia seria o último dia de travessia.


Foi uma das piores noites pois fez frio abaixo de zero, muito mas muito intenso que nossas garrafas de água congelaram! Eu havia dormido com 2 blusas, 2 calças, 1 casaco de frio grande, toca, luvas, de bota e com 3 cobertores e eu congelei de frio, não dormi em nenhum momento. Acordamos bem cado e saímos de novo, já havíamos passado pela parte que seria do deserto de sal, agora passaríamos por outras áreas como desertos e lagoas, uma delas era o Ejercito de Piedras, ele fica no meio do deserto completo e são uma grande quantidade de pedras na vertical formando um aparente exercito e lá no fundo um vulcão.
Logo após rodar um pouco mais por grandes vales deserticos nós paramos para almoçar em frente há uma lagoa semi-congelada, o nome era Laguna Turquiri e era de uma beleza extrema, lá comemos um bom macarrão com empanado de frango. No local faz um frio enorme e venta muito o que piora as coisas, mas com uma paisagem dessas quem é que vai se importar né.



Depois do almoço o Luís levou a gente na melhor parte, na neve! Era um grande vale totalmente nevado e era a primeira vez que via neve na vida, de começo parece que é espuma ou glacê mas quando você chega perto ela é fofinha na parte recente que acabou de cair e dura na parte que está mais tempo, minhas tentativas de fazer um anjinho de neve foram frustrantes mas eu tentei, que nem um menino bobo.
Ficamos ali um certo tempo brincando e tirando fotos e lá no fundo é possível ver o Vulcão Ollagüe que estava ativo e até soltando fumacinha. Depois dali o Luís nos levou para Ollagüe na estação Alvaroa que é a fronteira Bolívia / Chile aonde o Mauro um amigo do Luís nos esperava para nos levar até o Chile. Bom mas essa história eu conto depois!
Conhecer o Salar e seus desertos ao redor foi simplesmente sensacional, a Bolívia apesar de um país pobre, reserva muito mais aos turistas.

9 comentários:

lollyoliver disse...

Amei a forma na qual você fala do lugar, e o lugar é lindo!
Amei o texto. Sou assim também!
http://lollyoliver.wordpress.com/2011/08/26/834/

Fabiane Daz disse...

Nossa.. não dá para negar que o lugar parece ser lindo! Deve ter diso maravilhosa a viagem! Abraço

♰'Verônica Barboza disse...

*--* belas imagens!
Eita viagem emocionante! Não tem como comer com uma visão dessas... ou come, ou fica a delirar, olhando a paisagem! Caso contrário, a comida já caio pro chão rsrs

Adorei o post! Abraços.

Victor Lourenço disse...

Que lugar incrível e bem ao lado do Brasil...

http://dinheirodemetal.blogspot.com

Célio Freitas disse...

Muito bom e interessante o conteudo e imagens do seu blog!
Vou seguir
se tiver tempo olhe o meu e se gostar também siga

http://celioalbertoaf.blogspot.com/

Fernando disse...

Cada imagem uma melhor que a outra! Sou super fã de mochileiros!

Lucyano Jorge disse...

Que blog diferente e original, gostei!

http://cinemaparceirodaeducacao.blogspot.com/

Pekeniina xD disse...

Aiiii que lugar lindoooo !!! Sentii invejaa agora.. (das boas ok?) rsrsrsrs...
Te seguindo..
me segue tb..

http://blogdapekeniina.blogspot.com/

xD

Alex disse...

interesado em aprceria !
meu blog

http://gamestorents.blogspot.com/

me add no msn para contato
alexcolor1@hotmail.com

valeu
ja to seguindo segue tbm